sexta-feira, 13 de julho de 2012

Um ano de amor



Uma prova de amor
Foi o que prometi
Para meu coração acreditar
Que não foi em vão que te amei

Procurei
Nas estações do ano
Uma explicação

Em vão procurei
Na primavera achei a rosa que te dei
No verão o calor que te ofereci
No outono a rosa que você despedaçou
No inverno o frio que você deixou.

Continuei minha busca
Durante o ano
E nas festas descobri que

No ano novo me fizeste promessas
No carnaval me esqueceu para “ser feliz” em quatro dias
Nas cinzas retornou para mim
Na páscoa, se escondeu com o doce chocolate amargo
No São João para mim acendeu uma fogueira de esperanças
No dia das mães a tua me apresentou
Teu pai no dia dele conheci
No dia da independência, assim se declarou
Então no dia da republica me largou
No natal me procurou, e meu coração presenteou
Mas no ano novo prometeu ser teu ultimo ano comigo
Então largou meu coração

E eu sem rumo e sem razão
Estou tentando justificar
O por que te amei

Este texto foi escrito em 2010 no mês de Fevereiro, revendo meus textos resolvi postar este. Nada em especial, apenas acho que posso dividi-lo com quem se interessar em ler.

17/02/2010

2 comentários:

Anônimo disse...

Amigo!
Precisa postar novas poesias.. hehehe
Abração

kaos

Pensador Mudo disse...

Ok, Prometo que vou ver mais para postar.

Abraços,

Postar um comentário